Escola
  Pesquisar
26 de janeiro de 2020 Entrar
 Regulamento Interno Minimizar

Clique na Imagem


 Projeto Educativo Minimizar

Clique na Imagem


 Plano Anual de Atividades Minimizar

Clique na Imagem


 Breve História Minimizar

 

 A Congregação das Irmãs Franciscanas de Nossa Senhora das Vitórias foi  fundada a 15 de Janeiro de 1884, no Funchal - Ilha da Madeira, por Mary Jane Wilson - Irmã Maria de S. Francisco,  para  tornar presente no mundo os valores do Reino de Deus e colaborar na missão salvadora de Cristo, através do ensino, enfermagem, cuidado das crianças e dos idosos, promoção humana, catequese, pastoral de jovens e adultos. Foi co-fundadora Amélia Amaro de Sá - Irmã Maria Elisabeth.

Mary Jane Wilson aos 33 anos converteu-se à Igreja Católica. Ingressou na III Ordem Secular de S. Francisco de Assis, cursou enfermagem e trabalhou no Hospital de S. Jorge em Londres. Em 1881 chegou à Madeira, acompanhando uma senhora doente. Esta voltou à Inglaterra, mas Mary Wilson permaneceu na Ilha, a pedido do Bispo do Funchal, D. Manuel Agostinho Barreto, dedicando-se à catequese e aos mais pobres de pão, de fé ou de cultura. Em 1907 exerceu caridade heróica, no Lazareto-Funchal, no combate a uma epidemia de varíola, recebendo por isso a condecoração portuguesa de Torre e Espada. Com a implantação da República, em 1910, foi expulsa de Portugal vivendo um ano de exílio na Inglaterra. Voltou à Madeira em 1911 e depois de ter reorganizado a Congregação, morreu em 1916, no Convento de S. Bernardino em Câmara de Lobos, com fama de santidade.

O Instituto das Irmãs Franciscanas de Nossa Senhora das Vitórias está radicado em vários países: Portugal Continental e Regiões Autónomas da Madeira e Açores, Itália, Alemanha, Inglaterra, Moçambique, África do Sul, Tanzânia, Angola, República Democrática do Congo,  Brasil, Índia, Filipinas e Timor.

 

  Identidade da Escola  Sant’Ana - Externato                 

      A escola Sant’Ana – Externato, na sua missão educativa, rege-se pelo Ideário das escolas da Congregação das Irmãs Franciscanas de Nossa Senhora das Vitórias e exerce funções de acordo com o Estatuto do Ensino Particular e Cooperativo.

      Orienta-se pela legislação aplicável a estes estabelecimentos de ensino e respeita as recomendações técnicas decorrentes do exercício das atribuições específicas competentes da Secretaria Regional de Educação, exercendo funções de acordo com o Estatuto do Ensino Particular e Cooperativo.

      Pela força da sua missão e tendo em atenção os níveis de desenvolvimento dos educandos a quem se destinam, propõe-se:

a) promover o pleno desenvolvimento da personalidade do educando, proporcionando-lhe um equilibrado desenvolvimento integral e preparando-o para uma reflexão crítica e consciente sobre os valores cívicos, estéticos, morais e religiosos;

b) facultar ao aluno os meios adequados para adquirir uma formação humana e científica que o torne capaz de colaborar na construção duma sociedade em que seja possível a paz, a cooperação e a solidariedade entre os povos;

c) educar no respeito pelos direitos e liberdades fundamentais, no exercício da tolerância e na valorização dos diferentes saberes e do pluralismo cultural;

d) incentivar a prática de atitudes que levem à formação de cidadãos livres e responsáveis, autónomos e abertos ao diálogo, respeitando os outros e as suas ideias.


Escola Sant' Ana- Externato